Home » , , » Diretor de "Mad Max: Estrada da Fúria" vai presidir o júri do Festival de Cannes 2016

Diretor de "Mad Max: Estrada da Fúria" vai presidir o júri do Festival de Cannes 2016

O diretor, roteirista e produtor australiano George Miller preside o júri do 69º Festival de Cannes que será realizado de 11 a 22 de Maio


A exibição de “Mad Max: a estrada da fúria”, em Cannes no ano passado, fora da competição na seleção oficial, marcou não somente o retorno do herói Max Rockatansy para os milhões de fãs da saga lendária, mas também o de seu criador nos cinemas, o diretor australiano George Miller. Convidado para presidir a 69º edição do Festival, em 2016, o cineasta declarou estar feliz e muito honrado em participar do evento.

A carreira de George Miller, remonta a época de ouro do cinema australiano na década de 1980, que inclui nomes como Peter Weir, Bruce Beresford e Phillip Noyce. Miller iniciou a carreira escrevendo e dirigindo o curta “Violência no Cinema” – parte 1 (1971), vencedor de dois prêmios do Australian Film Institute . Em 1979, filmou “Mad Max”, um violento road movie futurista, misturando elementos góticos ocidentais com ficção científica, introduzindo o ator Mel Gibson. O sucesso do longa deu origem aos seguintes filmes da saga: “Mad Max 2: A caçada continua” (1981); “ Mad Max: Além da Cúpula do Trovão” (1985), com a participação especial da cantora Tina Tunner; e, finalmente, “Mad Max: Fúria da estrada” (2015).

Aos 70 anos de idade, Miller ganhou o reconhecimento da crítica internacional pelo seu trabalho. Ao longo da carreira, o diretor tem experimentado uma variadade de gêneros, sempre conquistando o gosto do público. O cineasta australiano, juntamente com John Landis, Steven Spielberg e Joe Dante, dirigiu o segmento final de “Twilight Zone: the movie” (1983), “As Bruxas de Eastwick” (1987) e o drama “Óleo de Lorenzo” (1992), estrelado por Susan Sarandon e Nick Nolte, que foi indicado ao Oscar de melhor roteiro e melhor atriz. Adaptou e produziu “Querida” (1995), dirigido por Chris Noonan, recebendo sete indicações ao Oscar, incluindo melhor filme e melhor adaptação. Em 2006, realizou seu primeiro filme de animação “Happy Feet”, um enorme sucesso de bilheteria. Com “Happy Feet 2” levou o Oscar de melhor animação em 2011.

O quarto episódio da saga “Mad Max: Fúria da Estrada” foi premiado pelo Critics Choice Awards, em nove categorias, incluindo o de melhor filme de ação e melhor diretor. O longa recebeu ainda dez indicações ao Oscar 2016, incluindo melhor filme e melhor diretor. 


Fonte: Adaptado de <http://www.festival-cannes.com/en.html>

Share this article :
 
Copyright © 2015. antigo.Cinesom. Jornalista Responsável: Elisabete Estumano Freire.