Home » , , » CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO APRESENTA RETROSPECTIVA DO CINEASTA INGLÊS DEREK JARMAN

CAIXA CULTURAL RIO DE JANEIRO APRESENTA RETROSPECTIVA DO CINEASTA INGLÊS DEREK JARMAN


Filmes raros e inéditos, além de palestras e debate, fazem parte da programação

A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 11 a 30 de outubro (terça-feira a domingo), a mostra Cinema é liberdade – Derek Jarman, uma retrospectiva do artista visual e cineasta londrino. A mostra, que passou pela CAIXA Cultural Recife em 2014, e pela CAIXA Cultural São Paulo em maio e junho deste ano, traz todos os longa-metragens e alguns curtas que nunca ou raramente foram exibidos no Rio de Janeiro, como o inédito Will You Dance With Me? (1984). A mostra promove ainda duas palestras e um debate sobre a trajetória e os filmes do artistaO projeto tem patrocínio da Caixa Econômica Federal e Governo Federal.

Cena de Art_of_Mirrors
Entre os destaques da programação, também estão Caravaggio (1986), Urso de Ouro no Festival de Berlim, e Blue (1993), seu último filme, com participação de Tilda Swinton, amiga e atriz de vários de seus filmes, em que medita sobre metafísica e a morte, premiado no Festival Internacional de Edimburgo. Também haverá duas exibições do raro filme The Tempest(1979), uma adaptação da peça homônima de Shakespeare.

A mostra traz dois documentários que revelam o mundo do cineasta: Derek(2008), de Isaac Julien e Bernard Rose, e Derek Jarman: Life as Art (2004), de Andy Kimpton-Nye, além do poético Prospect Cottage (2015), de Howard Sooley, sobre o jardim da casa de Jarman.

Derek Jarman (1942-1994) teve formação em pintura e uma estreita relação com a tradição clássica e com a iconografia da arte no Reino Unido. Numa articulação entre arte e autobiografia, seus filmes ecoam desde seus despretensiosos registros em Super-8 de amigos no seu ateliê até o tom confessional de texto e voz em sua última produção finalizada enquanto ainda estava vivo.

Cena de Edward II
Como bem resumiu o artista Isaac Julien, amigo de Jarman e codiretor deDerek, no texto sobre o documentário em seu site: “De Sebastiane (1976) aBlue (1992), os filmes de Derek Jarman constantemente interrogaram o tempo e a arte, e sintetizaram a sua época. Ele foi pintor, fez parte daquele momento, nos anos 60, que fez de Londres a capital da arte no mundo. Ele foi cineasta, talvez o mais singular e crucial personagem do cinema independente britânico nos anos 70, 80 e 90. Ele viveu como um homem gay surfando as alegrias da Liberação Gay e as tristezas da AIDS. Ele viveu como um observador participante, anotando com uma caneta ou uma câmera, tudo que passou diante dele – do punk a Margaret Thatcher, de Hampstead Heath às pré-estreias”.

Palestra e debate

A mostra promove três atividades aos sábados, às 17h: as palestras “Na sombra da luz do sol: os home movies de Derek Jarman", com a artista, doutora e ativista Adriana Azevedo, no dia 15 de outubro; “As promessas libertárias das vivências bucólicas: corpus nus e masculinidades etéreas”, com o pesquisador William Domingos, no dia 22 de outubro; e, no dia 29, o debate “Derek Jarman em perspectiva: ontem e hoje", com o curador Raphael Fonseca (mediador), e os pesquisadores Matheus Santos e Rodrigo AlmeidaDurante a mostra, será lançado um catálogo com vários textos inéditos sobre a obra de Derek Jarman, além de uma entrevista com o artista feita por Simon Field e Michael O’Pray, em 1985.

Cena de JOURNEY TO AVEBURY
A liberdade de Jarman está presente em filmes desde os anos 1970, desde um Sebastiane, datado de 1976 e que, quando revisitado em 2014, ainda sensibiliza e nos faz lembrar que, mesmo que o mundo tenha mudado consideravelmente, os modos de cercear o comportamento humano e sua sexualidade ainda se fazem presentes”, conclui o curador Raphael Fonseca.

Outras informações sobre a mostra podem ser acessadas nos endereçoswww.facebook.com/derekjarmanliberdade ewww.mostraderekjarman.com.br/2016/.

Programação

11 de outubro (terça)
19h - War Requiem (1989), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 93 min, 12 anos.

12 de outubro (quarta)
19h – Sessão de curtas dirigidos por Derek Jarman, Grã-Bretanha, 18 anos:Journey to Avebury (1971, 10 min), Art of Mirrors (1973, 6 min), Ashden’s Walk on Mon (1973, 15 min), Stolen Apples for Karen Blixen (1973, 2 min),T.G.: Psychic Rally in Heaven (1980, 8 min), Pirate Tape (1982, 15 min), The Queen is Dead (1986, 14 min).

13 de outubro (quinta)
19h15 – The Garden (1990), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 92 min, 15 anos.

14 de outubro (sexta)
19h15 – The Last of England (1987), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 88 min, 15 anos.

15 de outubro (sábado)
13h - Sebastiane (1976), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 85 min, 18 anos.
14h45 – In the Shadow of the Sun (1980), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 48 min. Wittgenstein (1992), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 69 min.15 anos.
17h – Palestra: "Na sombra da luz do sol: os home movies de Derek Jarman", com a artista, doutora e ativista Adriana Azevedo. Entrada franca com distribuição de senhas.
19h10h – Glitterbug (1994), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 53 min. + Derek Jarman: Life as Art (2004), de Andy Kimpton-Nye, Grã-Bretanha, 57 min. 15 anos.

16de outubro (domingo)
13h - The Tempest (1979), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 95 min, 15 anos.
15h – The Angelic Conversation (1985), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 78 min, 12 anos.
17h - Caravaggio (1986), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 90 min, 15 anos.
18h45h – Jubilee (1978), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 100 min, 15 anos.

18 de outubro (terça)
18h45h – Blue (1993), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 76 min + The Gospel According To Derek Jarman (2014), de Andy Kimpton-Nye, Grã-Bretanha, 40 min. 15 anos.

19 de outubro (quarta)
19h - Edward II (1991), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 87 min, 15 anos.

20 de outubro (quinta)
19h15 – Caravaggio (1986), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 90 min, 15 anos.

21 de outubro (sexta)
19h15 – Prospect Cottage (2015), de Howard Sooley, Grã-Bretanha, 6 min +Derek (2008), de Isaac Julien e Bernard Rose, Grã-Bretanha, 72 min.18 anos.

22 de outubro (sábado)
13h – Aria (1987), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 92 min, 18 anos.
Cena de Aria
15h – The Garden (1990), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 92 min, 15 anos.
17h – Palestra: “As promessas libertárias das vivências bucólicas: corpus nus e masculinidades etéreas”, com pesquisador William Domingos. Entrada franca com distribuição de senhas.
19h15 - The Last of England (1987), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 88 min, 15 anos.

23 de outubro (domingo)
15h – War Requiem (1989), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 93 min, 12 anos.
17h – Edward II (1991), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 87 min, 15 anos.
18h45 – Sessão de curtas dirigidos por Derek JarmanJourney to Avebury(1971, 10 min), Art of Mirrors (1973, 6 min), Ashden’s Walk on Mon (1973, 15 min), Stolen Apples for Karen Blixen (1973, 2 min), T.G.: Psychic Rally in Heaven (1980, 8 min), Pirate Tape (1982, 15 min), The Queen is Dead (1986, 14 min).18 anos.

25 de outubro (terça)
19h - The Angelic Conversation (1985), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 78 min, 12 anos.

26 de outubro (quarta)
19h – Glitterbug (1994), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 53 min. + Derek Jarman: Life as Art (2004), de Andy Kimpton-Nye, Grã-Bretanha, 57 min, 15 anos.

27 de outubro (quinta)
19h15 – Will You Dance With Me? (1984), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 78 min, 12 anos.

28 de outubro (sexta)
18h45 – In the Shadow of the Sun (1980), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 48 min. + Wittgenstein (1992), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 69 min.15 anos.

29 de outubro (sábado)
13h – The Tempest (1979), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 95 min, 15 anos.
14h45 – Blue (1993), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 76 min + The Gospel According To Derek Jarman (2014), de Andy Kimpton-Nye, Grã-Bretanha, 40 min. 15 anos.
17h – Debate: Derek Jarman em perspectiva: ontem e hoje", com o curador Raphael Fonseca (mediador) e os pesquisadores Matheus Santos e Rodrigo Almeida.
19h15 – Sebastiane (1976), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 85 min, 18 anos.

30 de outubro (domingo)
15h – Caravaggio (1986), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 90 min, 15 anos.
17h – Aria (1987), de Derek Jarman, Grã-Bretanha, 92 min, 18 anos.
18h45 – Prospect Cottage (2015), de Howard Sooley, Grã-Bretanha, 6 min +Derek (2008), de Isaac Julien e Bernard Rose, Grã-Bretanha, 72 min.18 anos.


Serviço:
Mostra Cinema é liberdade – Derek Jarman
Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinema 1
Endereço: Av. Almirante Barroso, 25, Centro (Metrô: Estação Carioca)
Telefone: (21) 3980-3815
Data: 11 a 30 de outubro de 2016 (terça-feira a domingo)
Horários: Consultar programação
Ingressos: R$ 4,00 (inteira) e R$ 2,00 (meia). Além dos casos previstos em lei, clientes CAIXA pagam meia
Lotação: 78 lugares (mais 3 para cadeirantes)
Classificação Indicativa: Consultar programação
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: Caixa Econômica Federal e Governo Federal


Fonte: Assessoria de Imprensa:
Claudia Oliveira 
Share this article :
 
Copyright © 2015. antigo.Cinesom. Jornalista Responsável: Elisabete Estumano Freire.